Fechamento do Último Ciclo

Posted by on Fev 9, 2017 in Notícias | No Comments
Fechamento do Último Ciclo

Car@s Cineastas,

é com certa tristeza, mas também animado com o período de renovação que se avizinha, que venho comunicar o fim da parceria do Teste de Audiência com a Caixa, por meio do seu programa Caixa Cultural. O Teste de Audiência é um projeto inédito de aprimoramento dos filmes brasileiros que, graças ao patrocínio da Caixa Cultural, nos foi permitido realiza-lo a custo-zero para os cineastas de todo o Brasil entre março de 2007 e janeiro de 2017.

Participaram desse primeiro ciclo do projeto, ao longo de 10 Temporadas, 102 filmes de longa-metragem dirigidos por 82 cineastas em 164 sessões-teste ocorridas entre Brasília, Curitiba, São Paulo e Recife (lista completa acessível aqui pelo site), com público total estimado em mais de 12 mil pessoas.

O Teste foi idealizado e produzido ininterruptamente nesses 10 anos pelo grande parceiro Marcio Curi, através da ASACINE, e por mim, através da GAYA Filmes. Lamentavelmente o Marcio nos deixou em novembro passado. Concluída a Décima Temporada, em janeiro, nós da GAYA Filmes, os parceiros da ASACINE (que tem à frente agora o diretor e produtor Caetano Curi) e mais a Coordenação Nacional de Pesquisa, formada pelos sociólogos Prof. Dr. Eladio Oduber e Michelle Stephanou, decidimos suspender temporariamente a realização do Teste para fazermos um balanço desses anos iniciais da atividade e refletir sobre os novos rumos que o Teste poderá trilhar nos próximos anos, sempre tendo em mente o aprimoramento de nossos filmes e o estreitamento do diálogo do Cinema Brasileiro com seu público.

Fazendo mensalmente o Teste de Audiência ao longo de 10 anos, muito aprendemos sobre nossa atividade. Um dos aspectos mais notáveis foi a clara compreensão do quanto o público tem uma percepção sutil e perspicaz de como se estrutura a narrativa de filmes. O público não sabe fazer cinema, mas sabe ver cinema. Portanto, é nosso verdadeiro aliado, vez que, através do Teste, expressa a verdade de sua sensibilidade. Esse dado precioso pôde ser acolhido, ponderado ou descartado pelos realizadores, é importante frisar, uma decisão de foro exclusivo dos realizadores. Como realizador, que também teve a oportunidade de submeter filmes ao Teste, percebo hoje que fechar um corte depois de passar pelo test screening é tão importante como fazer o roteiro passar pelo processo de doctoring. Divergências à parte, fica aqui um convite à reflexão para quem pensa o fazer cinema como um processo incansável de construção de estrutura e foco narrativo e de encontro do filme com o seu público.

Gostaríamos de agradecer especialmente às equipes da GAYA Filmes, da ASACINE, da Caixa Cultural e aos colaboradores parceiros e contratados pela fundamental dedicação, bem como a todos os cineastas, produtores, montadores e distribuidores que confiaram no Teste de Audiência e tiveram a oportunidade de mergulhar na aventura de apresentar seus filmes e dialogar com o público antes de fechar a montagem. Agradecemos também à CAIXA e ao público que participou do Teste por esta firme aposta no Cinema Brasileiro. A todos vocês e aos demais que acreditam na força do diálogo com o público, esperamos trazer oportunamente o Teste de Audiência de volta, renovado e revigorado para o aprimoramento desse diálogo.

Abraços,

Renato Barbieri

Leave a Reply